A pesquisadora da UFABC, professora Fabiana Costa, participou da 36ª Operação Antártica (OPERANTAR XXXVI) como integrante da equipe que conduziu o Projeto Paleoantar, coordenado pelo professor Alexander Kellner, atual diretor do Museu Nacional do Rio de Janeiro, e que teve como objetivo a prospecção e coleta de fósseis no continente Antártico. O projeto faz parte do Programa Antártico Brasileiro (PROANTAR) e conta com o apoio logístico e operacional da Marinha do Brasil. A expedição, que teve início no dia 03 de Dezembro de 2017 a bordo do Navio de Apoio Oceanográfico Ary Rongel, perdurou até o dia 07 de Fevereiro com o desembarque em Punta Arenas/Chile. Em 49 dias de acampamento na Ilha James Ross a equipe coletou cerca de 400 kg de material, parte do qual será inclusive recebida pela UFABC e passará a integrar a coleção do Laboratório de Paleontologia de Vertebrados e Comportamento Animal (LAPC-UFABC) desta instituição. A expedição, que também contou com a participação da Universidade Regional do Cariri (URCA), Universidade Federal do Pernambuco (UFPE) e Universidade Federal de Uberlândia (UFU), representa um importante movimento no sentido de projetar as instituições participantes, na figura de seus pesquisadores, em um cenário de pesquisa prolífico e singular, cenário este no qual a UFABC encontra-se então inserida. Nas descobertas feitas pela equipe destaca-se um fragmento de crânio de vertebrado ainda não identificado, dentre inúmeras amostras de invertebrados e plantas, que serão a partir de agora estudadas em laboratórios das instituições brasileiras.

A Professora Fabiana Costa nos arredores da Estação Antártica Comandante Ferraz na Península Keller, Ilha Rei George, durante retorno da expedição à Ilha James Ross. Crédito da foto: Thales Nunes